O Sniper na Execução dos Processos


A ferramenta é acessível via web e é capaz de armazenar informações sobre centenas de registros (pessoas físicas, jurídicas, bens, processos, dentre outros). 

Além disso, o SNIPER está preparado para receber qualquer base de dados de interesse, permitindo que as capacidades de investigação da ferramenta sejam ampliadas.

O SNIPER está integrado à plataforma digital do poder judiciário brasileiro – PDPJ-BR, portanto, magistrados e servidores estão aptos a acessar o sistema mediante autenticação  e aceite prévio do termo de compromisso e responsabilidade do usuário.

A ferramenta de consulta de ativos do CNJ, SNIPER, pode consultar rapidamente diferentes bancos de dados abertos e fechados. 

Assim o SNIPER traz informações de imóveis e empresas, relações patrimoniais e relações entre pessoas que podem ser exportadas e anexadas ao processo de execução.

O uso do SNIPER na execução trabalhista é muito importante para que se possa exigir o cumprimento de decisões judiciais, o que inclui a cobrança de devedores para garantir o pagamento de direitos.

Essa ferramenta veio para solucionar um dos principais gargalos processuais: a execução de sentenças, principalmente quando se trata de pagamento de dívidas, pela dificuldade de localização de bens.

Antes do SNIPER, a investigação de ativos era um processo complexo que exigia a mobilização de uma equipe dedicada para solicitar e analisar documentos e fornecer acesso personalizado ao banco de dados, esse processo levava vários meses. 

quais os benefícios do sniper

O SNIPER chegou para romper as barreiras ao acesso à justiça é fundamental para buscar a efetividade do processo, um sistema jurídico moderno e equitativo visa garantir, e não apenas proclamar, os direitos de todas as pessoas”.

Dessa forma, a criação do sistema SNIPER pode ser chamada de importante inovação do CNJ, que já trouxe diversas inovações por meio do projeto justiça 4.0.

Derrubar barreiras de acesso à justiça deve ser o objetivo de todos os operadores do direito, fazer uso da investigação defensiva e do SNIPER para uma execução mais eficaz.

Até mais e bons estudos.


Lei de Direitos Autorais, (Lei 9610 de 19/02/1998), sua reprodução total ou parcial é proibida nos termos da Lei.

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.